BBC Brasil - Primeira página

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Salmos 82 - deuses


Dizer que somos pequenos deuses com base no verso 6, é distorcer todo o texto. Não se pode chegar a tal conclusão com base apenas em um verso, é necessário analisar, com boa hermenêutica, todo o texto. O verso 1, também faz referência a deuses. Diz que Deus preside a grande congregação (assembléia); julga no meio dos deuses. Em Jó 1.6, lemos sobre uma reunião semelhante, em ambas há um ponto em comum, Deus está "comandando", "presidindo" a assembléia. Uma pergunta: "Qual o propósito da reunião com os deuses de Salmos 82?" Os versos de 2 a 5 nos responde: "Até quando julgareis injustamente e tomareis partido pela causa dos ímpios? Fazei justiça ao fraco e ao órfão, procedei retamente para com o aflito e o desamparado. Socorrei o fraco e o necessitado; tirai-os das mãos dos ímpios. Eles nada sabem, nem entendem; vagueiam em trevas; vacilam todos os fundamentos da terra." O Salmo nos traz um diálogo entre os deuses e Deus. Nesses versos são os chamados deuses que falam, a partir do verso 6 é o próprio Deus quem responde a eles. A fala de Deus nos chama de deuses pois somos filhos do Altíssimo (algumas versões traz do Deus Altíssimo), no entanto, só é filho do Altíssimo aquele que faz a Sua vontade conforme lemos as Palavras de Jesus em Mateus 12.46-50 "Falava ainda Jesus ao povo, e eis que sua mãe e seus irmãos estavam do lado de fora, procurando falar-lhe. E alguém lhe disse: Tua mãe e teus irmãos estão lá fora e querem falar-te. Porém ele respondeu ao que lhe trouxera o aviso: Quem é minha mãe e quem são meus irmãos? E, estendendo a mão para os discípulos, disse: Eis minha mãe e meus irmãos. Porque qualquer que fizer a vontade de meu Pai celeste, esse é meu irmão, irmã e mãe." No texto de Salmos, os filhos do Altíssimo, que são os deuses, são os que se indignam com a injustiça e clamam e praticam a justiça. Uma prova de que o texto não nos chama de deuses está no verso 7 onde lemos: "Todavia, como homens, morrereis e, como qualquer dos príncipes, haveis de sucumbir". Somos comparados a mortais, e deuses como alguns querem ver nesse texto estão acima dos mortais. Outra prova é quando o próprio Jesus cita Salmos 82.6 em João 10.34-35 "Replicou-lhes Jesus: Não está escrito na vossa lei: Eu disse: sois deuses? Se ele chamou deuses àqueles a quem foi dirigida a palavra de Deus, e a Escritura não pode falhar," no texto de João, Jesus está mostrando aos incrédulos que Ele é sim o Filho de Deus, pois queriam apedrejá-lo por Ele afirmado ser o Filho de Deus. Com isso concluímos que o Salmo 82 não nos chama de seres evoluídos ou deuses dignos de adoração ou outro tipo de deuses, mas apenas que todo aquele que faz a Sua vontade e busca a justiça é filho de Deus.